Sem licitação, governo Flávio Dino vai destinar R$97,5 milhões á EMSERH

R$ 97.545.768,48 (novecentas e sete milhões, quinhentos e quarenta e cinco mil, setecentos e sessenta e oito reais e quarenta e oito centavos). Esse é o valor exato que a Secretaria Estadual de Saúde (SES) vai destinar à Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH), órgão ligado ao governo Flávio Dino, para a execução de gerenciamento de unidades hospitalares.

Segundo dados obtidos pelo Blog do Neto Ferreira, o contrato milionário foi celebrado sem licitação.

Por mês, a SES vai pagar R$ 8.128.814,04 (oito milhões, cento e vinte e oito mil, oitocentos e quatorze reais e quatro centavos).

De acordo com o Diário Oficial, a EMSERH ficará responsável pela operacionalização da gestão do Centro de Especialidade Médica de Barra do Corda, Centro de Especialidade Médica de Imperatriz, Hospital Aquiles Lisboa, Hospital de Paulino Neves, Hospital Geral de Barreirinhas e do Hospital Regional de Carutapera.

O contrato foi firmado em 20 de julho e tem validade de 12 meses.

Deixe uma resposta