No Maranhão “ato de apoio” para secretário investigado pela Policia Federal se transforma em comício.

No Maranhão o governo Flávio Dino perdeu de vez as “estribeiras” depois do escândalo que foi as operações em que foram constatados milhões de desvios da saúde no governo Dino,o secretário  de saúde,Carlos Lula que é investigado pela policia federal e apontado como um dos principais beneficiados no esquema, resolveu desafiar a Polícia  Federal e o Ministério Público Federal em um “um ato em solidariedade ao secretário” onde mais parecia um comício,e o principal adversário: a policia federal, que várias vezes foi afrontada por Lula que repetia “Não tenho medo” desafiando a PF, agora o mais incrível disso tudo é que Lula diz não ter medo, mais o mesmo já entrou com dois pedidos de HC (Habeas corpus) para trancar as investigações da PF e ambos negados, como diz o ditado: “quem não deve, não teme.”

Além de secretários de estado e FUNCIONÁRIOS DA SES , diversas lideranças políticas e o governador Flávio Dino estiveram presentes.

O maranhão é o estado onde um secretário  é investigado pela Polícia  Federal e o governador ao invés de exonerar o “ACOBERTA.”

Deixe uma resposta